Lombalgia: causas, sintomas e tratamentos

Autor:

Publicado:

Atualizado:

A lombalgia, também conhecida como dor na região lombar, afeta uma grande parcela da população mundial. 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 80% das pessoas enfrentam, pelo menos, um episódio de lombalgia ao longo de suas vidas. 

Assim, com o aumento das atividades sedentárias e a má postura no trabalho, especialmente, é fundamental conhecer as causas, sintomas e tratamentos dessa condição, que pode ser altamente incapacitante e dolorosa.

Portanto, neste artigo, abordaremos os principais tópicos sobre lombalgia, incluindo as causas, tratamentos e a importância da ergonomia no trabalho, de acordo com a NR 17.

Principais causas da lombalgia

A lombalgia pode ser desencadeada por diversos fatores, entre os quais destacam-se:

  • Má postura;
  • Sedentarismo;
  • Movimentos incorretos ao carregar peso;
  • Lesões na coluna vertebral;
  • Tensões e estresse emocional;
  • Obesidade;
  • Fatores genéticos;
  • Envelhecimento;
  • Condições inflamatórias ou infecciosas.

É importante destacar que a má postura no trabalho é uma das principais causas da lombalgia. A adoção de práticas ergonômicas, conforme orientado pela NR 17, é fundamental para prevenir e reduzir a incidência dessa condição dolorosa.

Como identificar a lombalgia?

A lombalgia geralmente se manifesta como dor na região inferior da coluna vertebral, podendo irradiar para os glúteos e pernas, causando formigamento, dormência, perda de sensibilidade e, até mesmo, espasmos musculares.

Então, quando a dor persiste por mais de seis semanas, é recomendável procurar um médico para obter um diagnóstico preciso. Algumas questões a serem consideradas durante a avaliação médica incluem:

  • Intensidade e localização da dor;
  • Duração da dor;
  • Presença de sintomas associados, como fraqueza ou dormência;
  • Fatores desencadeantes ou agravantes da dor.

Tratamentos para a lombalgia

O tratamento da lombalgia dependerá da causa subjacente e da gravidade da condição. Desse modo, podemos citar:

  • Medicamentos: analgésicos, anti-inflamatórios e relaxantes musculares são comumente prescritos para aliviar a dor e a inflamação.
  • Fisioterapia: exercícios e técnicas de alongamento, fortalecimento muscular e correção postural podem ser realizados sob orientação de um fisioterapeuta.
  • Terapias alternativas: acupuntura, quiropraxia e terapia de massagem podem ser benéficas para algumas pessoas.
  • Mudanças no estilo de vida: adotar hábitos saudáveis, como praticar exercícios físicos regularmente, manter uma alimentação balanceada, evitar o sedentarismo e adotar uma postura adequada no trabalho, pode prevenir e tratar a lombalgia.
  • Cirurgia: em casos mais graves ou quando outros tratamentos não surtiram efeito, a cirurgia pode ser indicada.

Desse modo,  o tratamento mais adequado para a lombalgia deve ser individualizado e orientado por profissionais capacitados, como médicos ortopedistas, fisioterapeutas ou especialistas em coluna.

Remédios caseiros

Assim, podemos citar alguns remédios caseiros que podem aliviar a dor:

  • Compressas quentes ou frias: aplicar calor ou frio na área afetada pode ajudar a aliviar a dor e o desconforto.
  • Alongamento e exercícios suaves: movimentos leves e alongamentos podem ajudar a reduzir a rigidez e melhorar a mobilidade da coluna.
  • Técnicas de relaxamento: praticar técnicas de respiração profunda, meditação ou ioga podem ajudar a reduzir o estresse e a tensão muscular, contribuindo para o alívio da dor.

Tipos de lombalgia

A lombalgia pode ser classificada de acordo com a duração e a causa da dor. Os principais tipos são:

  • Lombalgia aguda: dor de curta duração (até seis semanas), geralmente relacionada a esforços físicos ou posturas inadequadas.
  • Lombalgia subaguda: dor de duração intermediária (entre seis e 12 semanas), pode estar relacionada a condições inflamatórias ou infecciosas, além de má postura e sedentarismo.
  • Lombalgia crônica: dor persistente por mais de três meses, geralmente associada a condições patológicas, como hérnia de disco, artrose ou problemas emocionais.

 

Exames para diagnosticar

O diagnóstico da lombalgia geralmente envolve um exame físico e uma avaliação do histórico médico do paciente.

Desse modo, em alguns casos, podem ser solicitados exames de imagem, como radiografias, tomografias computadorizadas e ressonâncias magnéticas, para identificar a causa da dor e obter uma visualização detalhada das estruturas internas da coluna vertebral.

Especialistas no tratamento

Médicos ortopedistas, fisiatras, reumatologistas ou neurologistas podem tratar a lombalgia, dependendo da causa e das características dos sintomas.

Assim, o acompanhamento com fisioterapeutas também é fundamental para o sucesso do tratamento e a prevenção de episódios futuros de dor.

NR 17 e lombalgia: a importância da ergonomia no trabalho

A Norma Regulamentadora 17 (NR 17) estabelece diretrizes para a ergonomia no ambiente de trabalho, visando garantir a saúde e a segurança dos trabalhadores.

Assim, a adoção de práticas ergonômicas adequadas no trabalho é fundamental para prevenir e reduzir a incidência de lombalgia, especialmente quando se trata de atividades que envolvem movimentos repetitivos, posturas inadequadas ou esforço físico excessivo.

Conclusão

A lombalgia é um problema comum que pode afetar significativamente a qualidade de vida das pessoas. Conhecer as causas, sintomas e tratamentos dessa condição é fundamental para prevenir e tratar adequadamente a dor na região lombar.

Além disso, a adoção de práticas ergonômicas no trabalho, conforme orientado pela NR 17, é essencial para garantir a saúde e a segurança dos trabalhadores e reduzir a incidência de lombalgia no ambiente laboral.

Sobre o autor

Últimos artigos

  • Onde apostar em jogos de futebol

    Onde apostar em jogos de futebol

    Para os fãs de futebol, apostar em jogos é uma forma emocionante de se envolver ainda mais com o esporte. No entanto, com tantas opções disponíveis, pode ser difícil saber onde apostar em jogos de futebol.  Felizmente, existem várias plataformas de apostas online respeitáveis que oferecem uma ampla variedade de opções de apostas para jogos…

    Ler Matéria Completa

  • Entendendo o Quociente de Inteligência (QI) e Sua Importância

    Entendendo o Quociente de Inteligência (QI) e Sua Importância

    O Quociente de Inteligência, comumente conhecido como QI, é uma ferramenta utilizada para medir e comparar habilidades cognitivas em diferentes áreas do pensamento, como matemática, lógica e raciocínio. Neste artigo, exploramos os aspectos do QI, sua aplicação e como ele pode ser melhorado. O que é QI? O QI é um escore que avalia habilidades…

    Ler Matéria Completa

  • Inovação no lazer: Tecnologia transformando o mundo do entretenimento

    Inovação no lazer: Tecnologia transformando o mundo do entretenimento

    A interseção entre tecnologia e lazer é uma paisagem empolgante, onde a inovação digital redefine a forma como nos divertimos e relaxamos. Vivemos em uma era onde a tecnologia não apenas acompanha nossos momentos de lazer, mas também os aprimora, proporcionando experiências únicas e envolventes. Vamos explorar como essa fusão de tecnologia e entretenimento está…

    Ler Matéria Completa