Condicionamento físico: Quais são os principais motivos para correr?

Você irá ver neste artigo

Muitas pessoas buscam melhorar o condicionamento físico. Muitas estão começando no esporte da corrida e se perguntam quais são os principais motivos para praticá-lo.

E é difícil quantificar quantos motivos existem, pois existe um para cada pessoa que o pratica.

Apesar das diferentes razões, a verdade é que a corrida está crescendo a taxas tremendas e não é mais uma moda passageira.

Quando uma pessoa tenta correr, duas coisas podem acontecer. Por um lado, que você encontre motivos para sair no dia seguinte, ou por outro, que o exercício fique estacionado e nunca mais seja retomado.

Correr é um exercício que não deixa ninguém indiferente. Todas as pessoas que o praticaram têm uma opinião forte, positiva ou negativa.

Aqueles que têm a sorte de sentir prazer durante a corrida têm facilidade em encontrar razões para seu treinamento.

A seguir, exploraremos as principais razões que os atletas relatam para correr.

Experimente uma tremenda sensação de liberdade

Uma das coisas mais atraentes da corrida é a grande sensação de liberdade que você sente quando pratica um esporte ao ar livre.

Ao correr pela cidade ou pela natureza, a única barreira que existe é o cansaço físico.

Essa sensação não é possível em outros exercícios que são realizados em um espaço fechado, por exemplo, uma academia.

Você nem sente isso ao correr em uma esteira. É preciso sentir que o espaço não tem barreiras e que se pode ir até onde se quer.

Sentir-se livre é uma das sensações mais agradáveis ​​que existem. Somado ao prazer de correr, o resultado é uma tempestade de endorfinas percorrendo o corpo. Além de melhorar o condicionamento físico.

Reduz o estresse e as emoções negativas

Todos os exercícios têm o poder de melhorar o humor. No caso da corrida isso não é exceção, a prática continuada deste esporte tem um enorme poder de mudar as emoções negativas.

Quando uma pessoa está no meio de uma corrida, pode não estar sentindo muito prazer, com certeza o que está sentindo é desconforto e cansaço.

No entanto, uma vez que a fadiga passa, as emoções positivas começam a aparecer e são muito mais duradouras.

A corrida é um exercício no qual estão presentes sensações positivas, como euforia, plenitude e satisfação, mas também há outras emoções opostas que invadem continuamente a experiência. Como fadiga e pressão. Mesmo assim, a boa notícia é que o saldo é favorável aos positivos.

Oxigena bem o cérebro

A corrida é um excelente exercício para trabalhar o sistema cardiovascular.

Ao contrário do treinamento de força, que trabalha mais a resistência muscular, o exercício cardiovascular exige um esforço constante do coração e dos pulmões.

Para poder aguentar um treino é essencial que o oxigénio chegue bem a todas as partes do corpo.

Portanto, devemos aprender a coordenar o movimento com a respiração. Além disso, o fato de saber controlar a respiração tem consequências positivas no cérebro.

Essas consequências positivas referem-se ao aumento da oxigenação que ocorre neste órgão. Quando o cérebro recebe mais oxigênio do exercício físico, o índice de perfusão aumenta e, com ele, o funcionamento cognitivo.

Encontre sua razão pessoal e goste de correr

Para ficar viciado em qualquer modalidade de exercício, você só precisa de um motivo para continuar.

Os motivos são uma parte fundamental para alimentar a motivação e, portanto, persistem apesar das dificuldades.

No caso da corrida, encontrar os principais motivos é mais importante porque é um exercício que gera fortes sensações desagradáveis ​​de cansaço.

Apesar disso, encontrar razões não é uma tarefa difícil. Basta pensar no que se espera do exercício, no que se quer alcançar.

Encontrar o propósito é um ponto de partida muito bom e a partir daí você só precisa explorá-lo ao máximo.

Saiba mais sobre condicionamento físico no vídeo abaixo.